partes e peças de piano

Partes e Peças de um Piano

Quando falamos em quais são as partes do piano, suas peças e como funciona o processo de restauração e reforma de pianos usados, vale lembrar que o piano é um dos instrumentos musicais mais complexos que temos conhecimento.

Um piano acústico padrão, com 88 ou teclas, 2 ou 3 pedais e de cordas cruzadas é composto por mais de 5 mil peças confeccionadas em diferentes tipos de materiais como madeira, aço, cobre, latão, feltro, couro e tecido.

Levando em conta toda a complexidade de peças, partes e componentes de um piano acústico, antes de entrar no assunto da reforma de pianos, para facilitar o entendimento, explicaremos e dividiremos o piano em partes categorizadas por funcionalidade e estrutura física.

Principais componentes do piano

1- Mecânica ou Mecanismo do piano
2- Teclado ou teclas
3- Chapa ou harpa
4- Tábua harmônica ou tampo harmônico
5- Encordoamento e estrutura para afinação
6- Caixa ou móvel

O mecanismo do piano

È de longe a parte mais complexa do piano. Envolve toda a parte que se movimenta com o intuito de acionar as cordas dos piano quando uma tecla é acionada.
O mecanismo do piano fica apoiado sobre o teclado do piano e envolve as peças chamadas martelos, abafadores, flanges, buqueta (que nome feio hein :-), nazeta, noz, embuchamentos, correias, contra martelo, colherinhas, inúmeras molas e uma infinidade de pivôs.
Os pianos verticais mais antigos normalmente datados de antes de 1900 usavam um sistema mecânico chamado de mecanismo gaiola, este nome é dado devido ao fato de que ao se olhar para tal mecanismo temos a impressão de estar olhando para uma gaiola. Este sistema mecânico não é utilizado faz um bom tempo e é considerado como ultrapassado e tecnicamente limitado se comparado ao sistema "atualizado".
É importante ressaltar que o sistema mecânico dito acima como "atualizado" começou a ser incorporado pelos grandes fabricantes á partir de 1860-1880 porem cada fabricante adotou as alterações em épocas diferentes, certas marcas já fabricavam o piano no padrão moderno em 1890 enquanto outras levaram ainda 20 anos para incorporar as atualizações.
O piano que conhecemos hoje em dia conta com um mecanismo conhecido "Under Damped" que traduzido do ingles seria algo como "abafado embaixo" ou "sub abafado".

O mecanismo do piano vertical moderno é "sub abafados" (underdamped), o que significa que os abafadores estão localizados abaixo dos martelos, onde são muito mais eficazes do que seus antecessores chamados "sobre abafados" ou Gaiola (overdamped). Existem muitos tipos de mecanismos de pianos encontradas em exemplares mais antigos que agora são considerados obsoletos.

mecanica do piano

O teclado do piano

Normalmente é composto por 88 teclas confeccionadas em madeira com uma cobertura que pode ser de marfim ou plástico, alguns pinos que servem de apoio e guia para seu movimento, embuchamentos feitos de feltro ou casimira além de toda sua parte inferior que serve de apoio e guia para a movimentação das teclas.
O teclado de um piano é responsável por acionar o mecanismo do piano quando cada tecla é acionada, podemos dizer que ele é a ligação entre o pianista e o mecanismo do piano.

Chapa ou harpa do piano

A chapa de um piano é feita de ligas metálicas e é responsável por segurar as cordas do piano. É uma peça de suma importância pois deve suportar a tensão das mais de 200 cordas que fazem parte do piano, tensão esta que somada pode ultrapassar 20 toneladas.
Grosseiramente o piano é uma harpa encaixotada e a chapa do piano é a tal harpa.

Tábua harmônica do piano

A tábua harmônica do piano pode ser considerada como o alto falante do piano. Sua principal função é receber e amplificar as vibrações emitidas pelas cordas do piano.
Esta peça é feita de madeiras que tenham uma boa qualidade acústica e são de suma importância para a qualidade sonora de cada piano.

Encordoamento, cepo e cravelhas do piano

As cordas do piano são feitas de aço sendo que as cordas mais grossas conhecidas como bordões tem um cobre enrolado longitudinalmente para atingir a espessura necessária para que o som seja emitido de forma correta, quanto mais grossa a corda, mais grave é o som emitido,
As cravelhas são pinos feitos em ligas metálicas aonde as cordas são afixadas. Estas peças são semelhantes as tarraxas de um violão e podem ser movidas para subir ou descer a afinação do piano.
O cepo do piano é uma peça feita de madeira trançada e extremamente densa aonde as cravelhas são afixadas. Ao contrário do que muita gente pensa, não existe cepo de metal, todos os pianos tem seu cepo feito em madeira.

Caixa ou móvel do piano

Como o próprio nome diz, é o móvel do piano em si.